Venezuelanos Disputam Comida Com Cães No Lixo De Feira De Caracas

16 Feb 2018 04:07
Tags

Back to list of posts

A cada começo de tarde, dezenas de pessoas rondam o depósito de lixo do feirão de Coche, no sul de Caracas, à espera da mercadoria vencida ou estragada. A todo o momento que uma lata de lixo é despejada, elas se agacham e, em silêncio, começam a revirar detritos. Adultos e criancinhas disputam espaço com cachorros sarnentos, num retrato cada vez mais comum da instabilidade que devasta a Venezuela. Após horas no ambiente, o desempregado Luis Losada, 40, exibe uma sacola de plástico com pedaços de mandioca e batata. Losada à Folha. Passavam das 14h, e ele não havia tomado café da manhã nem sequer almoçado.A alguns metros dali, pirralhos em uniforme escolar sorriem após localizar uma bolsa contendo qualquer coisa parelho com ração animal. Não há cifras, contudo comerciantes são unânimes em apontar cada vez mais gente que espera o término da feira pra procurar comida. Igor Perez, 41, feirante em Coche. Uma maçã vale 1.000 bolívares. Neste instante os alimentos a valor regulado, usados por anos como base de suporte ao governo chavista, desapareceram das prateleiras, no sinal mais compreensível do desabastecimento.A instabilidade começou em 2012, depois de uma década de políticas hostis ao setor produtivo, como expropriações e controles de preço e de câmbio. A ocorrência se deteriorou em 2014, com a queda do preço do petróleo, apoio da economia. O efeito é uma taxa de pobreza de 76%, segundo estudo das universidades Andrés Bello, Central e Simón Bolívar. O índice era de cinquenta e cinco por cento em 1998, no momento em que Hugo Chávez foi eleito à Presidência. Losada, o desempregado. Membro do partido chavista, ele admite ter votado contra a sigla na eleição parlamentar de dezembro, vencido pela oposição. 290 "Eu sou Oob." Um velho famoso 24 de Janeiro de 1996 Ricardo alegou Ícone Linkedin Linkedin Limpar casco de cavalo em apresentação Ago.2014 - Filhotes de leão branco com a mãe, a leoa Nikita Jean-François/AFP Cadela ganha ar-condicionado dentro da casinhais?44TjD-rbOxYYu766omx0aXsxClxlYj8FwczXVgoP4xo&height=242 A Operação Lava Jato e a Superintendência da Polícia Federal do Paraná tiveram quase um terço de teu orçamento cortado neste ano pelo governo federal. E alguém tem indecisão de que o governo e os políticos agem contra os interesses do Nação? Como pela fábula do lobo que guarda a porta do galinheiro, a nação brasileira é refém de um sistema jurídico-político que segrega e separa o Brasil em dois, em três, em 1 mil.Dividir para governar, suprimir verbas da Lava Jato pra estancar o rumo das investigações, e o público que conviva com as convencionais injustiças e impunidades. No picadeiro central do enorme Circo Brasil, a atração principal é a performance de Temer, o equilibrista. Sr. presidente, mire-se no modelo do sr. Joesley, entendendo tuas circunstâncias, renunciou. Entenda as tuas também, pro bem do Brasil.Eu e Michel Temer estudamos na mesma universidade, somos quase contemporâneos, contudo o conheci mesmo na cidade de Tietê, terra da minha mulher. Lá em Tietê ele pôs quem quis ir pra Polícia pela Polícia. Diziam que era um político habilidoso. Eu sempre o descobri, além de muito educado, um político de bastidores, no proscênio um político sem nenhuma maestria, basta enxergar as trapalhadas. Além do mais, coitado, pessimamente assessorado pelos seus conselheiros advogados, que o diga o último capítulo envolvendo os personagens Osmar Serraglio e Torquato Jardim. Pela era petista, além da demora de Lula e Dilma para trocar seus ministros, os novos nomeados bem como eram incompetentes.No mínimo deste quesito o governo Temer é melhor. Sai um fraco Osmar Serraglio e entra no Ministério da Justiça o experiente jurista e ex-filiado do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Torquato Jardim. O mesmo ocorreu, também, após o pedido de demissão da acordada e produtivo Maria Silvia Bastos Marques, que presidia o BNDES e foi celeremente substituída por outro competente economista, Paulo Rabello de Castro, que até então dirigia o IBGE.E o mercado aprovou. Realmente, o que estamos analisando no governo são vingancinhas, conchavos, dança das cadeiras pra visualizar quem cai primeiro e quem se livra da queda. E a nação, "excelências"? Em meio a tanta neblina, fácil será nos deixarmos confundir. Onde está o farol que vai nos transportar a um porto seguro?Há muitas cartas náuticas que poderão nos conduzir a um desastre, a jato. Pela Biologia, marcadores são seres vivos sensíveis que primeiro acusam modificações ambientais. Por eles monitoramos as agressões ao meio ambiente. Maria Silvia Bastos Marques e Pedro Parente eram nossos marcadores políticos. A saída de Maria Silvia do BNDES revela que o ecossistema político continua a merecer mais cuidados.Olho em Pedro Parente! A recém-saída presidente do BNDES, Maria Silvia Bastos Marques, não poderia se doar bem num antro de bandidos e ladrões do dinheiro público. Infelizmente, não temos homens estadistas e preocupados com o país, temos, sim, gente da pior espécie formando o oceano. E como vencer esse oceano?Nadar até a maré e doar adeus às aguas revoltosas. Uma aborrecido constatação, vemos os bons saindo pra doar espaço aos oportunistas. Senhora Maria Silvia, teu território é na Presidência do Brasil. Vamos continuar de olho no próximo presidente do BNDES, que não conheço, entretanto que terá a missão de zelar pelo banco dos brasileiros.

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License